Programação

A TVU de La Paz se define como um instrumento para promover a interação entre diferentes setores populares do país, que através da elaboração de mensagens próprias permita a defesa dos recursos naturais, da cultura e da força de trabalho boliviana, prevenindo a exploração econômica e a dominação política da população.  Dessa forma, compromete-se a instaurar um processo de comunicação alternativa, com uma programação que atenda ao ensino, à aprendizagem, à pesquisa e à extensão, garantindo seu compromisso de ser uma universidade científica, popular, democrática e antiimperialista.

No que se refere à produção informativa, a TV afirma trazer aos telespectadores a notícia não só conceituada, mas também o seu contexto, o que significa publicar os elementos necessários para a compreensão do todo o problema. Seus jornais devem informar sobre a problemática dos setores populares marginalizados, que normalmente não têm acesso à mídia. Além disso, sua grade traz programas de entretenimento e educação, pois, segundo a emissora “não adianta ter programas livres de qualquer contaminação alienante, se parecerem maçantes para o telespectador. A concorrência não deve ser compreendida dentro da idéia mercantilista, mas sobre os conceitos, estrutura e qualidade das mensagens”.

A Rádio Pátria Nova, ou Rádio Illimani, tem uma programação informativa e educacional. Em seu site, define que seu objetivo principal é contribuir para o desenvolvimento da sociedade boliviana, além de promover a unidade do país e projetar sua imagem internacionalmente.

Já a Televisão Nacional, divulga programas cujos temas remetem à cultura nacional. Nesse sentido, o caráter plurinacional do país é ressaltado em todo momento e as diversas culturas são representadas. Quanto à diversidade sexual, de classe e gênero ou produção independente, não há menções em seu site.