• Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

Radio Nacional de Venezuela - Caracas

Radio-Nacional-de-Venezuela

Frequência:

Localidade: Caracas, Venezuela

Site: http://www.rnv.gov.ve/

Cobertura : Todo o país.

Missão/valores institucionais

A emissora tem como objetivo ser tribuna do povo da Venezuela na construção do Estado social democrático de direito e da justiça, bem como de um  novo modelo de comunicação. Sua finalidade é executar a política de comunicação do Estado e funcionar como tribuna dos cidadãos no exercício de sua comunicação, de participação e de controle social responsável da gestão pública. Apresenta ainda como meta promover a livre difusão de opiniões, sugestões, reclamações, solicitações, reivindicações e outras mensagens do povo, destinada a impulsionar o seu conhecimento, formação e organização como fundamento da democracia participativa.

A Radio Nacional da Venezuela, como emissora prestadora de serviços, deve cumprir os mandados constitucionais e legais que regem o sistema legal da Venezuela, por isso está especialmente obrigada a operar como instrumento fundamental da livre expressão de pensamentos, idéias e opiniões dos cidadãos; capacitar e disseminar informação livre e plural, oportuna, precisa e imparcial; sem censura; respeitar a pessoa humana, o direito à honra, à intimidade, à autoimagem, à reputação e à confidencialidade; não promover a intolerância religiosa ou qualquer tipo de discriminação, de forma a permitir o direito de resposta e de retificação quando suas mensagens tenham afetado terceiros por informações inexatas ou ofensivas; permitir que crianças e adolescentes recebam informações apropriadas para o seu desenvolvimento; garantir a emissão, a recepção e a transmissão de informação cultural contribuindo para a disseminação dos valores de tradições populares e do trabalho de artistas ou escritores, escritores, compositores, compositores, cineastas, cientistas e outros criadores culturais no país; contribuir com o Estado no processo de educação cívica.

A RNV, sob a orientação da Constituição da República Bolivariana da Venezuela, da Lei de Responsabilidade Social em Rádio e Televisão, da Lei da Prática em Jornalismo, do Código de Ética para Funcionários Públicos e de outras normas sobre o assunto enfatiza os seguintes valores institucionais:

1. Respeito à Constituição e às leis da República Bolivariana da Venezuela, que significa assumir as responsabilidades decorrentes da violação ou de forma contrária ao Estado social democrático de direito e justiça. 
2. Servir ao povo da Venezuela, cujo interesse é cumprir sua responsabilidade social na prestação de serviços de rádio. 
3. Liberdade de expressão e direito à informação, como direitos constitucionais e inalienáveis ​​do povo, para que este se expresse livremente e receba a informação a que tem direito em tempo hábil, honesto e sem censura.
4. Defender a soberania do ponto de vista territorial e cultural. Para tanto, suas mensagens devem contribuir para o desenvolvimento, formação, ciência, cultura, educação.

5. Condenar o sensacionalismo como uma forma permanente de defender a livre expressão dos cidadãos e de combater práticas destinadas a deformar e deturpar a verdade, que fazem desse exercício um negócio para o lucro no lugar do exercício para a liberdade do ser humano

6. Ética: agir de acordo com as regras que regem o comportamento humano, incluindo as normas do Código de Ética do Jornalista Venezuelano e as regras que regem a execução pública.

7. Responsabilidades e solidariedade social: incentiva o comportamento que decorre do dever de assumir responsabilidades sociais e participar juntos na vida política, civil e da comunidade no país, promovendo e defendendo os direitos do povo como fundamento da democracia participativa e da paz social. 
8. Responsabilidade profissional: é valor fundamental no desempenho do emprego, que garante não só a prática da ética da profissão, mas também responsabilidade, disciplina e competência no exercício das funções ou poderes característicos do cargo exercido.

Histórico da emissora

A Radio Nacional da Venezuela foi criada mediante decreto do presidente General Eleazar López em 29 de julho de 1936. Mas apenas em 26 de dezembro a rádio realizou sua primeira transmissão do Palácio de Miraflores  para todo o país.

Em dezembro de 1941, na presidência do General Isaías Medina Angarita, a Rádio Nacional passa a ser unidade própria, com modernos equipamentos de transmissão. Com os acontecimentos de 18 de outubro de 1945, a Junta de Governo que substitui o presidente Medina Angarita institucionaliza definitivamente a Radiodifusora Nacional de Venezuela como emissora governamental e lhe confere caráter cultural e educativo. Naquela época, a rádio dispunha de uma orquestra sinfônica, grupos de câmara, solistas, teatro experimental e o horário de transmissão era de 11h as 14h, e das 17h às 23h, operando apenas na frequência de 630 kiloherz.

A junta militar de 1948 transferiu a rádio para a Direção Geral de informação do Ministério de Relações Interiores. Naquele período possuía uma orquestra de câmara e sua programação era principalmente de música clássica, cultural, educacional e folclore.

Nos anos 60, a rádio operava com 630 kiloherz, difundindo música clássica, programas musicais e notícias. Somente em 8 de julho de 1987, com o Decreto Presidencial nº 1.643) publicado na Gaceta Oficial da República de Venezuela nº 33.755), a Radio Nacional de Venezuela foi criada, formalmente, como serviço autônomo ligado à extinta Oficina Central de Información (OCI), vinculada à Presidência da República.

O Ministerio de Secretaría de la Presidencia, criado em 4 de março de 1977, passou a ter as competências sobre a formulação, a direção e a coordenação das políticas informativas da Administración Central e de administração dos meios impressos, radiofônicos e audiovisuais que eram propriedade do  Estado (Decreto sobre Reorganización de la Administración Central), pelo qual a Radio Nacional de Venezuela passa a estar diretamente submetida hierarquicamente ao Ministério.

Até hoje, a Radio Nacional de Venezuela tem experimentado significativas mudanças, tanto do ponto de vista tecnológico e administrativo, como em relação ao processo político venezuelano, especialmente durante o processo revolucionário iniciado em 1998.

A partir da gestão do Ministro Jesse Chacón, e por decisão do Presidente da República no Consejo de Ministro, teve início um processo de expansão da Radio Nacional com o propósito de abarcar todo o território nacional e também aumentar o seu alcance em nível internacional, além de melhorar e garantir a permanência e qualidade do seu sinal, e do conteúdo da sua programação. Determinada a ser a primeira radio nacional do povo venezuelano, sua política é produzir informação e comunicação contribuindo assim para o processo de construção do novo Estado constitucional e uma das rádios de maior importância no continente americano.

Natureza jurídica da emissora

Empresa estatal de administração pública direta

Estrutura organizacional

Sem informações disponíveis.

Forma de gestão

Sem informações disponíveis.

Modelo de financiamento

Emissora mantida com recursos estatais.

Programação

A Rádio Nacional da Venezuela reúne quatro canais: Canal Informativo, Canal Clássico, Canal Ativo e Canal Musical. Além disso, possui o canal Onda Corta Internacional, que difunde notícias e informações para o exterior. Há predominância de programação musical, jornalística e infantil. A RNV possui programas de variedade, programas esportivos, noticiários, debates a programas humorísticos. Com isso, a emissora apresenta diversidade de conteúdos e atende finalidades educativas e culturais, em especial relacionadas à cultura latino-americana. Também se verifica uma forte presença de programas informativos e de opinião.

Participação pública

Disponibiliza e-mail, telefone e endereço para contato.

Plataforma multimídia

Possui site com recursos de streaming, podcast, RSS, Blogs, fóruns, chats e perfil no twitter.


COMPARTILHE


TVs (VE)

Venezuela

Rádios (VE)

Radio-Nacional-de-Venezuela

FACEBOOK

Twitter

TAGS


kerajaan cerita horor gosip terbaru berita terbaru windows gadget toko game